top of page

BOLETIM 1108 - Ele tem sido teu Natal?

Nº 1108 – ANO XXI – 18 a 24 de dezembro de 2021

Qual ‘NATAL’ você tem celebrado a cada ano? Muitos celebram o encontro com a família, outros celebram a troca de presentes, outros ainda os banquetes com um requinte abrilhantado dos mais bem preparados pratos de doces e salgados e outros decidiram não celebrar nada, mas a grande verdade é que Natal é uma data festiva celebrada no mundo inteiro.

É o momento em que a Igreja Cristã deveria celebrar com toda força e unidade, o maior acontecimento do calendário cristão: A VINDA DE JESUS CRISTO – o Filho de Deus ao mundo.

O Verbo se fez carne! O Eterno entrou no tempo. Deus se fez homem. O infinito tornou-se um bebê. E Ele, o Rei dos reis nasceu numa manjedoura. Viveu entre os homens. Realizou obras maravilhosas e morreu na cruz em nosso favor. Ressuscitou dentre os mortos e foi para os céus e brevemente retornará.

NATAL É SOBRETUDO, JESUS!

O nascimento de Jesus não é visto por todos da mesma maneira.

Estamos num período para celebrar o Natal, celebrar o nascimento de Jesus.

Só que hoje vemos em nossa sociedade, muitos escarnecendo Jesus, zombando, passando um Jesus que não é o Jesus da Bíblia, muito pelo contrário é o avesso do Jesus Verdadeiro.

Jesus foi e é odiado ainda nos dias de hoje, porque JESUS ESTÁ VIVO, porque se estivesse morto, o mundo já teria O esquecido. Desde que Ele nasceu em carne e sangue, Ele foi odiado.

Houve uma cristofobia no Seu nascimento – Herodes queria matá-lO.

Aqueles que se levantam contra Cristo, são dignos de pena, porque se pensa que atacando Cristo, vão abalar o Trono de Deus, enganam-se. Se pensam que atacando nosso Senhor, vão abalar nossa fé, enganam-se; mas todos aqueles que perseguem nosso Redentor, vão cair no esquecimento, porque ao homem está ordenado morrer uma só vez, vindo depois disso o juízo. Mas nosso Cristo, é e será Senhor pelo século dos séculos.

A Igreja é a “agência propagadora da verdadeira mensagem de Natal”. Se a Igreja fracassar, o mundo não enxergará o Natal como Nascimento do Salvador.

Infelizmente as festas cristãs têm sido desprezada, perseguida, zombada e distorcida, e que isso seja feito pelo mundo, não é novidade, mas o pior, é ser feito pela própria Igreja – propagadora das Boas Novas do Evangelho – “o povo que andava em trevas viu uma grande luz, e sobre os que habitavam na região da sombra de morte resplandeceu a luz... Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o principado está sobre os seus ombros; e o seu nome será Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz”. Isaías 9:2,6.

Muitos que se dizem cristãos se levantam para dizer que não devemos celebrar o natal, porém, se Jesus não tivesse nascido, nunca teríamos o natal.

Muitos dizem que Natal é uma festa pagã. Mas, se o mundo diz que essa festa é papai-noel, banquetes, troca de presentes, ou até festa ao deus sol, é porque a Igreja deixou de pregar a Verdadeira Mensagem de Natal – NASCEU O SALVADOR QUE É CRISTO O SENHOR.

Temos 365 dias no ano, e se tem um dia que devemos prestar um culto ao Senhor com todo nosso ser, celebração e grande estilo é no Natal. Pois o mundo estava sem esperança e sem salvação, e Deus enviou ao mundo JESUS – a Luz do mundo, então, procure neste dia CELEBRAR O ANIVERSARIANTE, Cultue ao Verdadeiro Motivo do Natal, não é para se afastar, deixar de cultuar, viajar, passear, e fazer tantas outras coisas, menos CELEBRAR UMA FESTA AO ANIVERSARIANTE.

Deixe esse legado a seus filhos, netos. sua família. E na Ceia de Natal, separe um momento para agradecer a Deus, por ter enviado a nós Seu Filho, a Salvação, o Verdadeiro motivo do Natal, e aí sim, você terá um FELIZ NATAL.

Claayton Nantes

103 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page