top of page

BOLETIM 1090 - Eis-me Aqui! Envia-me a mim!

Nº 1090 ANO XXI 14 a 20 agosto de 2021


“No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono; e o seu séquito enchia o templo. Os serafins estavam acima dele; cada um tinha seis asas: com duas cobriam o rosto, e com duas cobriam os pés, e com duas voavam. E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da Sua glória. E os umbrais das portas se moveram com a voz do que clamava, e a casa se encheu de fumaça. Então, disse eu: ai de mim que vou perecendo! Porque eu sou um homem de lábios impuros e habito no meio de um povo de impuros lábios; e os meus olhos viram o rei, o Senhor dos Exércitos! Mas um dos serafins voou para mim trazendo na mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; e com ela tocou a minha boca e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniquidade foi tirada, e purificado o teu pecado. Depois disso, ouvi a voz do Senhor, que dizia: A quem enviarei, e quem há de ir por nós? Então, disse eu: EIS-ME AQUI, ENVIA-ME A MIM!”

Isaías 6:1-8

O profeta Isaías, que vivia no Reino do Sul, estava vivendo um momento difícil no palácio: o rei Uzias, seu primo, havia morrido, e as coisas estavam incertas para todos os assessores, e em meio a uma crise política, ele tem uma experiência transcendental.

O profeta é levado em espírito diante do Trono do Senhor, e contempla uma classe angelical específica que adora ao Senhor continuamente diante do Trono dizendo: “Santo, Santo, Santo”.

No conceito judaico, achava-se que a pessoa que tinha experiência espiritual morreria. Quando contemplou a glória e majestade do Senhor, Isaías teve seu pecado exposto e reconheceu que era um homem de lábios impuros e habitava no meio de um povo de impuros lábios. Porém, um dos serafins tirou do fogo uma tenaz (um alicate de alta resistência) e tocou os lábios do profeta, o que instantaneamente lhe purificou, arrancando dele a iniquidade. E ele, então, ouve o chamado do Senhor: “A quem enviarei e quem há de ir por nós?”

Essa é uma realidade super contemporânea! Diante de tanta corrupção, sujeira e insegurança política que o mundo está vivendo, precisamos de homens e mulheres que tenham uma experiência espiritual a ponto de serem marcados pelo fogo do altar, um verdadeiro batismo no fogo que tire a iniquidade de nossas vidas.

Somente depois de uma experiência espiritual é que podemos ouvir o clamor do Espírito no nosso espírito: “A QUEM ENVIAREI, E QUEM HÁ DE IR POR NÓS?”

A resposta é pessoal, particular e intransferível. Essa é uma resposta que ninguém pode dar por você.

Cabe a cada um de nós sondar o coração de Deus e identificar para o que Ele está nos chamando.

Há muitos que o Senhor quer usar na educação e ensino, outros nas artes, música, esportes, mídia, outros na política, no governo e outros até na igreja – precisamos abrir nosso “leque” e ver que o Senhor quer nos colocar para influenciar os “montes de influência” da sociedade. Porém, é tolice galgar um monte desses sem ter sido tocado com a brasa viva do altar. Precisamos deixar Jesus Cristo nos batizar com o fogo do altar, e o Espírito Santo nos guiar para sermos relevantes em nossa geração.

Esse é o tema do Congresso de Jovens e Adolescentes que vai acontecer no próximo sábado 21/08/2021, das 8h às 22h, com muito louvor, ministração da Palavra, danças, coffee break e almoço.

Você não pode perder, porque o tempo urge, e Deus quer levantar uma geração profética para endireitar as veredas e preparar o caminho do Senhor. Assim como Isaías, Elias, Eliseu, João Batista, Deus tem seus profetas para esta geração. Qual resposta você vai dar à pergunta que Deus está fazendo: “A quem enviarei e quem há de ir por nós?”

Reflita e tome sua decisão no próximo sábado!

Claayton Nantes

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page