top of page

BOLETIM 1086 - “Envolva enquanto é tempo!”

Nº 1086 ANO XXI 17 a 23 de julho de 2021


Estamos vivendo um período de grandes desafios para conquistar essa nova geração, visto que o assédio e a sedução do sistema do anticristo têm investido pesado contra nossos jovens, adolescentes e crianças através de convites, propostas e tentações realmente assustadoras.

Devido a isso, precisamos investir na criança – “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer ela não se desviará dele.” (Provérbios 22:6)

Muitos pais deixam a criança em casa na primeira infância e depois pagam um alto preço por isso, pois essa decisão pode influenciar na ETERNIDADE dessa vida. Então não brinque com o diabo, porque ele não brinca com ninguém.

Estamos numa geração competitiva, e com isso os pais precisam priorizar a instrução espiritual de seus filhos.

Envolva-se com eles desde pequenos. Muitas vezes é necessário abrir mão de um sonho, de um projeto. Às vezes até de uma mudança para outra cidade ou Estado, para não perder os filhos, pois se a criança está engajada, ela vai estabelecer alicerces, raízes, princípios irremovíveis.

Muitas vezes nos preocupamos com tantas coisas materiais e não nos importamos com fundamentos, bases, alicerces. Porém, se tivermos um bom fundamento, podemos ficar sossegados, porque o projeto que será erguido tem uma boa base, que vai suportar o tamanho do edifício.

A cultura judaica sempre priorizava a educação da criança. Fico a pensar como Joquebede doutrinou Moisés, a ponto de ele rejeitar a proposta do Egito a fim de cumprir o chamado de Deus, abrindo mão de ser chamado “filho da filha do faraó”. (Hebreus 11:24)

Que influência os pais de Daniel exerceram sobre ele ainda menino, a ponto de, ainda adolescente, ser levado à Babilônia e ali propor em seu coração não se contaminar com os manjares que lhe foram propostos? (Daniel 1:8)

O que a menina que estava como escrava na casa de Naamã deve ter tido de experiência para ter convicção de dizer à esposa de Naamã: “Ah, se esse meu senhor estivesse na terra de meus pais! Saberia que o Deus Jeová cura.”? (2 Reis 5:3)

Qual influência Eunice e Loide tiveram sobre o menino Timóteo, a ponto de Paulo ficar admirado, o que fez com que recordasse, ao escrever sua segunda carta a Timóteo agora adulto: “Dou graças a Deus, a quem, desde os meus antepassados, sirvo com consciência pura, porque sem cessar faço memória de ti nas minhas orações, noite e dia; desejando muito ver-te, lembrando-me das tuas lágrimas, para me encher de gozo; trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Loide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti”. (2 Timóteo 1:3-5)

Nesta semana teremos diversas atividades na Torre: EBF – Escola Bíblica de Férias, Olimpíadas da Torre e Instituto de Inverno. Meu incentivo a você, pai, e a você, mãe, não é apenas “envie seus filhos”, mas envolva-se com seus filhos! Venha junto, participe, para que sua criança “crie gosto” pelas coisas de Deus! Além disso, ore para que seus filhos tenham uma experiência com Deus que marque a vida deles, que seja um divisor de águas.

Temos atendido inúmeros pais que choram hoje em desespero porque estão perdendo seus filhos para os vícios, para o mundo e a promiscuidade, pais que hoje se encontram em pânico porque na fase em que deveriam se dedicar aos filhos, demonstrar amor, gerar neles o pertencimento, elegeram outras prioridades.

Estamos atravessando dias difíceis. Não procrastine nem negligencie a vida espiritual da sua herança bendita – seus filhos! Corra enquanto há tempo, vacine seus filhos contra as ideologias e filosofias pagãs para que possam crescer no temor do Senhor e sempre serem a bendita herança do Senhor!


Claayton Nantes

77 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page