top of page

BOLETIM 1148 - Rosh Hashaná 5783

Nº 1148 – ANO XXII – 24 a 30 setembro de 2022



Precisamos nos preparar para os dias que estão se aproximando. Nesta semana celebraremos o Rosh Hashaná – (Ano Novo Judaico), ano de 5783, do “cabeça do ano”.

Discernindo os tempos, precisamos ter a visão espiritual para esse tempo para nos prepararmos para os tempos que estão se aproximando domingo 25/09/2022, se dá início a este novo “ciclo” – contados a partir da criação de Adão e Eva. É como se uma página fosse virada, é como se entrasse um novo ciclo, uma nova estação – e esse ano nós vamos desfrutar de uma abundante graça de Deus – o sobrenatural nos nossos tempos. Precisamos aprender a desfrutar e colher o melhor de Deus para essa estação. A cada dia nos aproximamos mais e mais dos “tempos de avivamento”, tempo este em que nossos olhos e ouvidos serão abertos e mistérios do Reino dos céus estão sendo desvendados.

Estamos prestes a presenciar uma manifestação de Deus sem igual que está para ser desatada e liberada a qualquer momento. Está ocorrendo a abertura de portais de acesso a novas dimensões; Já a algum tempo temos gerado esse mover, e temos que entender que está chegando o tempo de manifestação.

Quando os portais são abertos, o Reino de Deus avança, porém o império das trevas também fica mais violento e por isso está havendo uma crescente de obscenidade, promiscuidade, com um descontrole na perversão sexual, sem precedentes.

Hoje mais do que nunca precisamos buscar uma vida de santidade, pois a cada geração está havendo uma redução violenta de pudor, ética, princípios divinos e limites.

Precisamos construir altares ao Senhor no privado, desenvolver nosso “quarto de guerra”, nosso lugar secreto de oração, para aumentarmos nosso relacionamento com Deus, precisamos construir uma vida no altar e alimentar esse altar diariamente; ter um tempo de qualidade com o Senhor. Precisamos nos levantar como referência a essa nova geração, que está sem parâmetros.

O império das trevas está investindo pesado contra essa nova geração.

A verdade só será verdade para os seus filhos se você for referência da verdade para eles; A família é a que vai passar os valores e os princípios para que os filhos não se percam; você precisa conviver com a verdadeira família da fé; construindo uma vida no altar; para edificar o Reino de Deus aqui na Terra. Hoje, mais do que nunca precisamos ser praticantes, precisamos viver a Palavra de Deus, uma vida comprometida com o Reino de Deus, velando pela família, pelo lar, pelos princípios divinos.

Apontam para o reinício de um ciclo, pois aponta para mudança; um tempo diferente para fazer a diferença.

“São dias que”: significam que temos que nos voltar para o Senhor nos preparando para o dia de Yom Kippur que é o dia do perdão; e logo na sequência entra na Celebração da Festa dos Tabernáculos; Esta á a tríplice celebração deste tempo, começando com Rosh Hashaná, e dez dias depois, Yom Kippur (dia do perdão) e 5 dias depois, já é a Festa dos Tabernáculos. Sabemos que as festas são ciclos de Deus onde os céus estão abertos; se nos voltarmos para Ele, Ele se voltará para nós! O intervalo entre Rosh Hashaná e o Yom Kippur são dez dias em que na tradição judaica todo o povo tem que se preparar para pedir perdão e iniciar um novo ciclo; um período muito lembrado pelo toque do shofar, a folha de balanço e o período de arrependimento; é comum em todo fim de ano se fazer a “retrospectiva do ano”, mas essa festa nos fala de uma autoanálise para um conserto; claro que em Cristo Jesus temos uma aliança direta com Deus através do Único e Vivo Caminho – Jesus Cristo que veio em carne e sangue. Exame introspectivo esse que Paulo cita na revelação que ele recebeu do Senhor sobre a última ceia – “examine-se pois, o homem a si mesmo e assim coma deste pão e beba deste cálice”; conserte o seu altar e se prepare para viver tempos incríveis com o Senhor.



Claayton Nantes


58 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page