top of page

BOLETIM 1088 - “Sacerdócio Relevante”

Nº 1088 ANO XXI 31/07 a 06/08 de 2021


Não existe ofício mais honroso do que ser sacerdote de Deus. No entanto, o sacerdócio, em si mesmo, pode ser real ou maligno – isso depende unicamente de como se exerce tal responsabilidade.

A Palavra de Deus nos mostra que no Antigo Testamento o sacerdócio legítimo era um ofício exclusivo dos descendentes de Arão, e ninguém poderia exercer tal ofício se não tivesse essa legitimidade. Saul foi reprovado por Deus como rei, e um dos maiores motivos dessa reprovação foi querer fazer o que não tinha direito de fazer.

Quando Jesus veio, Ele nos nivelou: “E nos fez reis e sacerdotes para Deus e seu Pai; a ele, glória e poder para todo o sempre. Amém!” Apocalipse 1:6

“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”. 1 Pedro 2:9

O apóstolo Paulo escrevendo ao pastor Tito, a quem ele tinha como um filho espiritual, diz: “Por esta causa te deixei em Creta, para que pusesses em boa ordem as coisas que ainda restam e, de cidade em cidade, estabelecesses presbíteros, como já te mandei: aquele que for irrepreensível, marido de uma mulher, que tenha filhos fiéis, que não possam ser acusados de dissolução nem são desobedientes. Porque convém que o bispo seja irrepreensível como despenseiro da casa de Deus, não soberbo, nem iracundo, nem dado ao vinho, nem espancador, nem cobiçoso de torpe ganância; mas dado à hospitalidade, amigo do bem, moderado, justo, santo, temperante, retendo firme a fiel palavra, que é conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para admoestar com a sã doutrina como para convencer os contradizentes.” Tito 1:5-9

Paulo lembra a Tito o serviço geral de todo ministro: pôr a Igreja do Senhor Jesus Cristo em “boa ordem”.

Como membros da Igreja do Senhor Jesus, temos que ser influentes na sociedade, entendendo que o único evangelho que muitos vão ler é a nossa própria vida, como cartas vivas, lidas todos os dias por todos os homens.

Entramos em um período da História que não tem mais como sermos neutros e omissos – precisamos de ações estratégicas, como um serviço de inteligência para defesa da nossa fé.

Ouço o Espírito Santo clamando as palavras do intercessor Mardoqueu à rainha Ester (que é a figura da Igreja): “Não imagines, em teu ânimo, que escaparás na casa do rei mais do que todos os outros judeus. Porque, se de todo te calares neste tempo, socorro e livramento doutra parte virá para os judeus, mas tu e a casa de teu pai perecereis; e quem sabe se para tal tempo como este chegaste a este reino?” Ester 4:13-14

O contexto atual não é novidade para nós, pois o nosso Senhor Jesus Cristo já nos alertou acerca desse tempo que estamos vivendo, quando estava explicando sobre o princípio das dores: “Então vos hão de entregar para serdes atormentados e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as gentes por causa do meu nome. Nesse tempo, muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se aborrecerão. E surgirão muitos falsos profetas e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.” Mateus 24:9-13

Nesta semana o Ministério Público do Estado de Minas Gerais convocou o Pr. Jorge Linhares na condição de investigado, por defesa dos valores bíblicos.

Estamos sentindo a atmosfera que está no ar, seja na esfera política, educação, mídia, cultura, artes, enfim, todas as áreas. Chegou o tempo, e é hora de manifestarmos nossa crença e não negociarmos nossos valores, custe o que custar, pois Deus não se agrada dos covardes, dos que recuam. Estamos num caminho sem volta, no qual podemos dizer: “Maranata, ora vem Senhor Jesus!” Apocalipse 22:17

Nesta semana estaremos estudando essa matéria fantástica e oportuna, “Sacerdócio Real X Sacerdócio Maligno”. Não perca!


Claayton Nantes

50 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 comentario


malu santanna
malu santanna
05 ago 2021

Gostei muito deste alerta ,não ,e só pra criança não é pra todos nós

Me gusta
bottom of page